segunda-feira, 29 de março de 2010

AFTER DARK – OS PASSAGEIROS DA NOITE de Haruki Murakami (Casa das Letras)

“De noite os defeitos se ocultam” Ovidio




Perguntar-se-ão os meus acidentais leitores, que me faz voltar passadas escassas semanas a Haruki MUrakami. A resposta é fácil e objectiva. Oferta de Dia do Pai e, fundamentalmente o ter ficado muito motivado para seguir a obra deste autor, que aliás também se mantém em fila de espera na “mesinha de cabeceira” com um terceiro romance. Este entrou em competição directa na leitura com o livro da semana que vem e ganhou. É um livro impressionante. Sempre sem revelar muito para manter o interesse, posso dizer que toda a acção se passa numa única noite de Tóquio. Murakami consegue, com a sua forma de (d)escrever cativar-nos para um mundo diferente, uma realidade paralela, por vezes surreal, mas que simultaneamente faz sentido. Encontramos sentido em realidades nocturnas com as quais nos pomos em confronto, e com as quais encontramos pontos de referência credíveis para o que, na visão distanciada de ocidentais que somos, pode ser o “after dark” de uma megalópole como Tóquio. Para fazer algo que não é habito nestas crónicas, deixo a primeira e ultima frases do romance: “Diante de nós desenrolam-se os contornos da cidade” e “Haverá tempo até à chegada da próxima escuridão”, pelo meio, como figuras centrais, duas irmãs, duas atmosferas distintas, uma real, concreta, e outra bastante mais onírica. Em volta de Mari e Eri gravitam personagens de um drama que se tece “fora de horas”, e não faltam “os passageiros da noite”, que é um excelente subtítulo para a obra. Estou cada vez mais cliente deste escritor, mais, atrevo-me a sugerir que, e não faço de ânimo leve, quem quiser uma boa amostra da melhor literatura contemporânea, não tem mais que fazer do que procurar dentro da obra deste autor. Boas Leituras!

PARA A SEMANA: OS HOMENS QUE ODEIAM AS MULHERES (Millennium I) de Stieg Larsson (Oceanos)
NA MESINHA DE CABECEIRA:
Entra: A ARTE DA ALEGRIA de Goliarda Sapienza (D. Quixote)
Continuam:
A RAPARIGA QUE SONHAVA COM UMA LATA DE GASOLINA E UM FÓSFORO (Millennium II) de Stieg Larsson (Oceanos)
A RAINHA NO PALÁCIO DAS CORRENTES DE AR (Millennium III) de Stieg Larsson (Oceanos)
INÉDITOS de Antoine de Saint Exupéry (Casa das Letras)
BIBLIOTECA DE ALEXANDRIA de Pablo de Jevenois (Esquilo)
O MONTE DOS VENDAVAIS de Emily Bronte
CRÓNICA DO PÁSSARO DE CORDA de Haruki Murakami (Casa das Letras)
OS ANAGRAMAS DE VARSÓVIA de Richard Zimmler

1 comentário:

Zaclis Veiga disse...

Vou procurar o autor por aqui.
Uma Páscoa linda, repleta de alegria e amor para você, Dalila e Alexandra.